logo pro blog

7 de ago de 2006

My way..


A pouco mais de 2 anos e meio, eu não tinha nenhuma habilidade, ou aptidão fisica, nenhuma cordenação, nenhuma força, nada, meu corpo funcionava simplesmente no piloto automatico, e eu resolvi mudar isso, de uma vez por todas.

Parkour,

No começo parkour era apenas uma especialização em ultrapassar obstáculos, simplesmente isso.
Com o tempo comecei a compreender que se tratava de algo mais profundo, e mais intenso, que obstaculos não eram exatamente apenas aquelas barreiras fisicas estáticas que encontramos no dia-a-dia, e que acima de tudo, as habilidades adiquiridas não deveriam ser desperdiçadas, deveriam seguir um proposito ainda maior, e que eu poderia ajudar outras pessoas seguindo esse caminho.

Être Fort..

Conforme comecei a estudar sobre as origens dessa disciplina, e encontrei bases estruturadas no Método Natural de Fisiculturismo de Géorges Hébert, e um conceito trazia acima de tudo que o ser humano deve ser FORTE. Esse conceito de "Ser Forte" viria trazer um novo sentido, uma pessoa que levanta um supino com 100kg em cada lado e 45cm de braço é forte? Géorges Hébert dizia que não.

Descobri que ser forte é mais do que simplesmente aspecto fisico, e levantamento de pesos. Ser forte virou sinonimo de ser completo, de poder viver nas mais complicadas situações possiveis, não simplesmente passar obstáculos de concreto, ou arvores, mas qualquer coisa que possa me impedir de alcançar um objetivo. Ser forte é ser completo.

Uma pessoa forte sabe subir um muro, escalar uma montanha, arremessar pesos, andar por dezenas de kilometros, sabe lutar e se defender quando necessario, sabe nadar, resiste ao frio e ao calor, não precisa de roupas nem equipamentos para sobreviver, ele simplesmente é completo

...Pour etre utile!

Mas de que adiantaria toda essa capacidade física, se não fosse para simplesmente praticar algo, porque tamanha dedicação simplesmente por nada? com o tempo você se sente responsavel por passar essa ideia, esse caminho, ajudar novas pessoas na busca por seu proprio caminho, ajudar os outros a alcançar a força.

Ser forte para ser útil (no meu ponto de vista pessoal) não significa vestir uma capa vermelha e sair salvando o mundo dos bandidos, e nem procurar confusão para testar meus limites. Esses conceitos me trazem o conforto de estar preparado, quando for submetido a uma situação inusitada, eu possa ajudar pessoas com todo conhecimento que consegui na busca pelo meu caminho. essa pessoa pode ser um membro da minha Familia, Namorada, Amigo, ou um desconhecido que precise de ajuda.

continua...

Nenhum comentário: